fbpx
Skip links

Como abrir uma empresa

Um guia para sair da informalidade

Saber como abrir uma empresa está entre as dúvidas mais comuns entre trabalhadores informais e todo tipo de prestador de serviço. Há não apenas a dúvida em saber o que fazer para abrir uma empresa, mas sobretudo em saber se vale a pena abrir uma empresa.

Uma das principais razões para esse tipo de dúvida é a crença comum de que o melhor é sempre economizar e que pagar imposto é sempre ruim. Na verdade, é esse medo dos impostos que faz com que uma grande massa de trabalhadores informais prefira ficar na mesma, ainda que se tornar PJ seja algo tão simples.

Neste texto, vamos te ensinar tudo sobre como abrir uma empresa. Você saberá o momento correto de virar PJ, as principais razões para se tornar um, bem como qual o passo a passo para abrir uma empresa.

Boa leitura!

Quando devo abrir uma empresa e virar PJ?

Se você ainda está iniciando no mundo do empreendedorismo e pretende abrir uma empresa, então deve se certificar de que tem um plano de negócio sólido, mesmo que de forma informal, com boa possibilidade de crescimento e validado por outros profissionais com experiência no ramo.

Porém, se você já é autônomo, possui uma carteira de clientes própria e sólida experiência, então já passou da hora de dar um passo maior e abrir o seu CNPJ. Abrir empresa é o melhor caminho para garantir o crescimento do seu negócio.

Vale a pena abrir uma empresa e virar PJ?

Sim, abrir empresa é a melhor forma de assegurar estabilidade e segurança para o seu negócio. Há ainda diversos benefícios que só são possíveis com um CNPJ, confira os mais importantes

  • Ter direitos trabalhistas assegurados, como licença-maternidade, contribuição da previdência social, seguro por acidente, dentre outros;
  • Assegurar os direitos dos colaboradores;
  • Emitir nota fiscal e contratos PJ;
  • Poder comprovar renda;
  • Acesso a contas bancárias e linhas de crédito para pessoa jurídica.
  • Dentre outros.

Principais dúvidas sobre como abrir uma empresa

Agora que você já deve ter abandonado a teimosia e está convencido de que vale a pena abrir empresa, vamos te ajudar a esclarecer as principais dúvidas sobre como abrir uma empresa e o que deve ser feito. Vamos lá!

Como faço para abrir uma empresa?

O processo de como abrir uma empresa no Brasil é, em teoria, simples e pode ser resumido a partir do seguinte passo a passo:

  1. Definir um nome/razão social da empresa;
  2. Escolher a categoria de organização da empresa. As mais comuns para empresas iniciantes são: o Microempreendedor Individual (MEI), a Microempresa (ME), a Empresa de Pequeno Porte (EPP), e a categoria Normal.
  3. Escolher o formato jurídico e o regime tributário da empresa. O formato jurídico está ligado ao quadro societário e organizacional da empresa. Já o regime tributário diz respeito às obrigações fiscais e tributárias do negócio com base em características como área de atuação e faturamento anual.
  4. Recolhimento de documentos necessários.
  5. Abertura e registro da empresa.

Como você pode notar, o processo de como virar PJ depende de conhecer bem sobre as regras jurídicas e contábeis de um negócio. Infelizmente a burocracia brasileira desanima muitas pessoas que tentam abrir uma empresa por conta própria. Porém, nada disso deve o assustar, basta poder contar com o auxílio de uma assessoria contábil.

Com o auxílio de um contador ou de uma consultoria contábil, você poderá abrir sua empresa tendo a segurança de tomar as decisões corretas para o seu futuro. Ainda que sua empresa esteja numa categoria mais simples, como o MEI, certifique-se de fazer as escolhas corretas no processo de inscrição. Novamente, sugerimos fortemente que busque o auxílio de um profissional da contabilidade.

Qual empresa abrir para prestador de serviço?

Se sua empresa é de pequeno porte e atua na área de prestação de serviço, uma das categorias mais simples é o MEI (Microempreendedor Individual). Para se enquadrar no MEI, a empresa deve ter um faturamento anual inferior a R$ 81 mil e realizar uma das atividades permitidas para a categoria. Veja aqui. No entanto há diversas profissões que não são permitidas com esta modalidade, com por exemplo, fisioterapeuta, médico, dentista, arquiteto, advogado, profissional de marketing, etc

Outra opção adequada, sobretudo para empresas com uma estrutura maior, é a categoria ME (Microempresa). Na categoria ME, a empresa poderá ter sócios, faturar até R$360 mil por ano, e contratar até 9 colaboradores (caso atue no segmento de comércio e serviço). O outro tipo é chamado de EPP (Empresa de Pequeno Porte), que permite um faturamento de até R$4.8 milhões por ano.

Em ambas categorias, você pode abrir uma empresa sem outro sócio, do tipo SLU (Sociedade Limitada Unipessoal), ou se tiver outros sócios, do tipo Ltda (Sociedade Limitada)

Vale ressaltar que estas são apenas as opções mais comuns para empresas iniciantes com uma estrutura de pequeno porte. O formato correto para seu negócio deve ser escolhido com o auxílio de um contador.

Quanto custa abrir uma empresa?

Os custos de abertura de uma empresa variam em razão de vários elementos, como tamanho e estrutura da empresa, localidade, e custos com contador. De maneira geral, estima-se que os custos totais para abrir empresa no Brasil podem variar entre R$ 300,00 e R$ 2.000,00.

Quem abre empresa precisa ter um contador?

Sim. Com exceção da empresa MEI, a qual pode ser feita pelo empreendedor sozinho, mas todas as outras modalidades são obrigadas por lei a ter um contador para o registro e manutenção do negócio.

Vale ressaltar, contudo, que mesmo no caso do MEI, é válido contar com a orientação de um contador para compreender todo o processo de abertura da empresa, assim como suas principais obrigações acessórias.

Conheça a DirectCount

Não importa o estágio atual do seu negócio, seja iniciante ou já experiente, a decisão de sair da informalidade é um passo essencial para a realização do seu sonho de ter um negócio sólido e de sucesso. Enquanto estiver na informalidade, seu negócio estará sempre correndo riscos desnecessários.

Agora que você já sabe o processo de como abrir uma empresa, chegou a hora de dar mais um passo e procurar os profissionais adequados para a criação da sua empresa.

Na Direct Count, você encontrará uma equipe de profissionais da área jurídica e contábil preparada para orientar empresas e suas mais diversas necessidades. A DirectCount é especializada em serviços de contabilidade online, informação jurídica e consultoria empresarial.

Se você busca uma assessoria contábil para auxiliá-lo em todas as etapas de criação da sua empresa, a DirectCount é a escolha certa para suas necessidades. Entre em contato conosco para esclarecer todas as suas dúvidas!

Leave a comment

Este site usa cookies para melhorar sua experiência na web.
Home
Account
Cart
Search
×

 

Fale conosco!

Clique em um dos contatos online para falar com um de nossos especialistas.

× Como posso te ajudar?